Foto: Igor Amâncio

Põe borda, tira borda

Desabafos de um jornalista que, vez ou outra, ataca na criação. 

Direção de Arte: Eu gosto do layout, mas acho que não dá leitura.

Diminuo a transparência.

DA: Tá legal, mas falta um destaque, coloca uma borda.

Adiciono uma margem sutil ao perímetro da arte.

DA: A cor não ajuda, vai de roxo!

Após alguns segundos caminhando pela infinidade de tons uma frase indica o escolhido.

DA: Isso! Bota esse.

Salvo em PNG. Envio por e-mail.

DA: Pera, faltou uma informação, abre aí e coloca o endereço.

Uma inspiração profunda. Sigo com a paciência taoista de um monge filipino.

DA:Too much, tira a borda.

Borda removida.

DA: Agora eu curti!

Arte pronta. Um terceiro adentra o recinto:

T: Demora muito pra começar do zero?

– Acho que vou voltar a escrever.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Blog é bem old fashion. Tem rede de boomer, rede de millennial, rede de Z. Haja rede pra tanta conversa.